Livro de Poesia | Tijolos em Vitrine Para Beija-Flores de Adriano Chastel

Clique no botão ao lado para assistir o video relacionado ao produto.

Assistir Video

Livro de Poesia | Tijolos em Vitrine Para Beija-Flores de Adriano Chastel

Código: BKTVBAC Marca:
R$ 45,00
até 3x de R$ 15,71
Comprar Disponibilidade: Imediata Estoque: 12 unidades
    • 1x de R$ 45,00 sem juros
    • 2x de R$ 23,03
    • 3x de R$ 15,71
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

O Livro

 

O Livro Tijolos em Vitrines Para Beija-flores de Adriano Chastel reúne aproximadamente 50 poemas que abordam múltiplas questões sociais. Há poemas sobre a vastidão do Brasil desigual. Outros que carregam a sede de resistir frente a justiça que demora. Alguns que se debruçam sobre a compaixão para debulhar afetos raros… É um livro de Poesia Social forte e necessário, não apenas na direção da mudança, mas sobretudo no fortalecimento do olhar de união, entre todos os oprimidos.

 

O Autor

 

Nascido em janeiro de 1973, no interior paulista, e concebido no calor laranja tórrido de Cuiabá, 9 meses antes. Tem origem vasta e procedência várias!

 

Origem de preta alforriada, de índia em talhão de cana, de um belga ou francês exilado, de um português ferroviário, de um economista bugre e de uma irmã de sete homens; e procedência paulista, cuiabano, mato grossense do sul, um pouco oriental, do campo, da cidade, de indústrias, do trânsito, do desemprego, do trabalho autônomo.

 

Adriano Chastel é pai, poeta e palhaço. Nas palavras do próprio poeta: “O que sei de mim / Me encanta no café da manhã / Escabeche / Ou bolo simples e molho de tomate “. Tem sonhos e pesadelos, ainda, alguns preconceitos. Tem amores, família, inimigos e desafetos. Tem a esquerda apesar de destro, paciência ainda que pouca, muita sede de justiça e pouca de vingança.

 

“Sou palavra, estórias, rimas, contos, versos, verbos, lágrimas, poucas vitórias, muita luta. Aprecio, beijo, cerveja, Raul, rock, biografias e orégano. Não leio poesia, admiro poetas e poetas e rimadores e repentistas. E tudo que ainda não sei sobre quem sou, está no restante do caminho”

 

Adriano Chastel é Adriano Chastel.

 

DETALHES

Autor: Adriano Chastel Lima | Tipo e formato: brochura, 14x21cm | Encadernação: P.U.R | Número de páginas: 62 | Idioma: português | ISBN: 978-65-81362-28-7

 

*

 

 

Vendo-me

Estou vendendo meus sonhos
Para pagar o pão e o arroz
Do último mês
Deste mês, ainda não sei
Talvez venda meu futuro
Se é que existe futuro sem sonhos
Se é que se pode sonhar sem pão
E o que serei eu?
Se pagando o pão
Não terei mais sonhos.
Se tenho meus sonhos
A fome me mata.
Vou vender meu amor
Assim aos pedaços
Como um quarto no gancho
Na barraca da feira
Na esquina , na xepa
Posso viver sem amor
Não posso viver sem sonhos.

 

*

 

Desconexos

O corpo necessita de calores e atritos
Não existe sentido nesse abraço frio e cristalino
A vida precisa de imprecisão e imprevistos, de palavras ardentes
De lábios, peles, dores e olhares
Não existe vida na distância segura de uma conexão
O desejo precisa de asas, de mares, de encontros, palavras e poesias sussurradas
Ele não sobrevive cercado do medo de amanhã
E o amor precisa somente da vida, do corpo cheio de desejos
E ainda que medroso caminhe direto ao abraço, ao afeto, ao fogo
Exalando poesia
Crivado de sonhos
Exibindo nossas almas nuas.

 

*

 

Sonho Não Racha Lenha

 

Quem sonha ainda vive
Ainda que tenha fome
Ainda que sinta frio
Mesmo quando já se desistiu
No sonho reexiste

Sonho é nuvem e doce
É calda de mel e fogo
Rasgar o fim de tudo
Um vão além do possível

Por isso
Plano não cabe em sonhos
Plano é régua, linha, meta e tabela
Ninguém calcula o tempo para o sonho
Ninguém assina contrato de sonhador
Não se racha lenha
Não se ara a terra
Com sonhos.

Com sonhos se plantam estrelas
Entortam-se estradas
Emolduram se o fogo e o mar
Um daqui outro de além de lá

Com sonhos coletivos
Nascem justiças
Desaparecem fascistas
E toda essa miudeza metida a gente, escorre
Quem sonha não corre
Não morre,
Pois sonho é eterno
Tem tempo
Quando um, o para
Outro o embala
Ou vai na bagagem de mão
Só em vão é que sonho não fica.

R$ 45,00
até 3x de R$ 15,71
Comprar Disponibilidade: Imediata Estoque: 12 unidades
Pague com
  • Mercado Pago
Selos
  • Site Seguro

JESSICA IANCOSKI GUIMARAES RAMOS 09648791902 - CNPJ: 33.066.546/0001-02 © Todos os direitos reservados. 2022